Bert hellinger livros pdf


 

Bert HellingerDa série: ORDENS DO SUCESSO Leis Sistêmicas na Assessoria Empresarial Tradução Daniel Mes. ORDENS DO AMOR BERT HELLINGER PDF - Veja grátis o arquivo LIVRO Bert Hellinger ORDENS DO AMOR enviado para a disciplina de Psicologia. Download Liberados Somos Concluidos - Bert ruthenpress.info

Author:ZOILA EWARDS
Language:English, Spanish, German
Country:Cyprus
Genre:Personal Growth
Pages:217
Published (Last):23.11.2015
ISBN:748-6-27059-922-2
Distribution:Free* [*Register to download]
Uploaded by: LOUISE

71476 downloads 108745 Views 10.45MB PDF Size Report


Bert Hellinger Livros Pdf

1 abr. Download A Simetria Oculta Do Amor - Bert Hellinger - DOWNLOAD PDF - MB. Share Embed Donate. Report this link. DOWNLOAD PDF. Report this file. Description. Download o Essencial é Simples - Bert Hellinger Free in pdf format. Sponsored Ads. Shop Now. Ads by site. 10 livros essenciais de bert hellinger criador da nevada in your future the complete relocation guide for job ngeles de las tinieblas y de la luz never mind the.

Neste 3 livro da trilogia "Ordens do sucesso", Bert Hellinger nos conduz a temas que decidem sobre o sucesso e o fracasso nas empresas. So temas que extrapolam a estrei- teza de uma pura funcionalidade e conduzem a uma assessoria empresarial ampla e relacionada diretamente vida. Aqui o xito na vida e na profisso est inserida nas nossas grandes conexes da vida. Editora Atman. Bert Hellinger, nascido em , formou-se em Filosofia, em Teologia e em Pedagogia. Trabalhou durante 16 anos como membro de uma ordem missionria catlica entre os Zulus na frica do Sul. Sua formao e sua atividade teraputica envolveram diversas abordagens: Psicanlise, Dinmica de Grupos, Terapia Primai, Anlise Transacional, Hipno- terapia, PNL e a Terapia familiar, a partir da qual desenvolveu o seu mtodo revolucionrio das Constelaes Sistmicas, aplicadas tambm a problemas empresariais e a conflitos tnicos. Atualmente Hellinger trabalha na linha mais espiritualizada dos "Movimentos da alma", entregando-se a foras superiores, profundamente reconciliadoras, que se manifestam atravs dos movimentos dos representantes. Atua como conferencista e diretor de cursos em todas as partes do mundo e autor de livros de sucesso, traduzidos em vrios idiomas. Nenhuma parte deste livro pode ser reproduzida ou usada de qualquer forma ou por qualquer meio eletrnico, mecnico, inclusive fotocpias, gravaes ou sistema de armazenamento em banco de dados sem permisso escrita do detentor do Copyright, exceto no caso de textos curtos para fins de citao ou crtica literria.

E se o filho quiser tomar o nome do padrasto ou dos pais adotivos? Recomendo cautela. Certa mulher telefonou-me desesperada. Ela hesitou, agradeceu e desligou. Algum tempo depois, telefonou-me novamente e comunicou que seguira o conselho.

Um tio e uma tia querem criar, cada qual, um deles. Talvez se sintam obrigados. Quem sabe? Tenho outra pergunta. Uns amigos Hellinger interrompendo: Que foi que eu disse? Sim, mas antes eu disse: Olhei para os pais. As pessoas fazem coisas espantosas! Peter garante que se lembra daquele olhar, que parecia dizer: Posso fazer alguma coisa pelo menino? Eles olharam um para o outro e suas faces se iluminaram.

Ilegitimidade Pergunta: Mais tarde, ela me telefonou para contar como tinham se passado as coisas. Vou recitar-lhe um poema. O Caminho O filho pediu ao velho pai: Vou acompanhar- te por algum tempo No caminho do saber. Subiram a montanha, Bem acima das sombras De seu vale acanhado. O sol abismou-se, Arrastando consigo Seu manto coruscante. A Velhice dos Pais: Cuidados Pergunta: Como equilibrar a responsabilidade por minha esposa e filhos com a responsabilidade por eles?

Mas muitos filhos receiam o que os espera quando os pais estiverem velhos. Independentemente de sua idade real, logo que os encontram, os filhos tendem a comportarse como se tivessem 5 ou 6 anos. O que realmente necessitamos pode ser arranjado. Ela desejava ardentemente que a filha a levasse para casa e cuidasse dela. Ela recebeu a chamada de uma enfermeira altamente competente que desejava cuidar de pessoas idosas.

Cobrava caro, mas a mulher tinha dinheiro e ficou feliz em pagar. Incesto Pergunta: Como encara o incesto? Eu pergunto: De que ele precisa para encontrar a paz? Sim, digo isso para provocar: Nesses casos, os filhos devem ter a coragem de responsabilizar ambos os A Simetria Oculta do Amor — Bert Hellinger 84 pais.

Se assim for, o agressor foi privado de alguma coisa: As frases lembram ao filho que ele tentou fazer algo de bom, embora o resultado tenha sido mau. Que fazem as frases? Revelam o amor dos filhos. Fez o melhor que podia, mas chegou a hora de devolver o problema a seus pais. Qual o efeito das frases sobre o pai?

ORDENS DO AMOR BERT HELLINGER PDF

Um padrasto submeteu-se a uma intensa psicoterapia pessoal; depois estudou e tomou-se terapeuta de outros homens. Ela o respeita e, por isso, respeita-se com mais facilidade. Vou contar-lhes como cheguei a compreender isso.

Ela se postou ao lado da cliente. Todos os participantes imediatamente se enraiveceram contra ela, inclusive o representante da cliente. Se trabalho com um agressor, confronto-o com a sua culpa.

Farei algo na vida a despeito do que aconteceu. Em alguns casos, trata-se do tipo de incesto em que o contato sexual jamais ocorre realmente, mas causa muitas dificuldades em relacionamentos posteriores. Vou lhe dar um exemplo: Sentou-se entre os outros membros do grupo, de olhos baixos, remoendo sua maldade. Lembrou-se ainda de que ele se matara. De modo que o homem que ela supunha seu tio era na verdade seu pai e o homem que ela supunha seu pai era seu tio.

Estivera casada por quase trinta anos, tinha um filho adulto e ainda amava o marido. Enquanto isso, a noiva o abandonava para casar-se com seu pai. Cada filme tem seu ponto de vista. Assim funcionam os sistemas familiares. Tenho dificuldades de relacionamento e estou sempre doente. Creio que isso se prende ao meu constante desejo de me sentir em casa em algum lugar. Fui levada da maternidade pelos meus pais adotivos quando tinha apenas 14 dias. Acho que estou tentando restabelecer o contato original.

Li o seu livro e pensei: Um filho de 13 anos. Com quem ele mora? Com um e outro. Quem sugeriu essa medida? E quanto a seu pai? Sabe como se faz? Mais ou menos. Estou um tanto confusa. Ela escolhe os representantes. Hellinger para Leslie: Muito bem, agora encaminhe os representantes para seus lugares, relacionando-os uns com os outros.

Aos representantes: Hellinger aos representantes: E o pai? Sinto-me profundamente triste. Sinto-me perdido aqui, muito triste. Hellinger para o representante de Leslie: Que acontece com a filha? Representante de Leslie: Depois que os pais adotivos entraram, sinto-me bem melhor. Mas continuo um pouco confusa. Agora estou segura e posso ver a menina. Refere-se ao seu marido? Que acontece com o pai adotivo? Pai Adotivo: E agora? Sim, melhorou.

Hellinger ao representante de Leslie: Eu estava melhor depois que os pais adotivos entraram, mas agora o vazio voltou. Hellinger faz com que ela encare um por um. Quero ir para perto dela e virar-me. Para o pai: E quanto ao pai? Representante de Leslie em tom comovido: Quero ir para junto dela. Hellinger espera que se soltem: Agora vou colocar Leslie no seu devido lugar. Para Leslie: Ainda me sinto sozinho e perdido. Acho melhor ir embora. Hellinger para o pai: Sinto-me mais leve aqui.

Sinto-me oprimida. Sinto muito. Por favor, olhe-me como sua filha. Por favor. Respire profundamente. Profunda e calmamente. Ao mesmo tempo, senti o toque leve de meu marido, o que me tranquilizou muito. E o pai adotivo? Isso me toca profundamente.

Muito bem. Olhe para ela e diga-lhe: Incline-se diante deles da maneira que achar correta e diga-lhes: Obrigada por cuidarem de minha filha. E por lhe darem o que ela necessitava. Aprecio-os muito por fazerem isso. Eles realmente me deram muita coisa. Vire-se e encare-os. Olhe para o seu pai e tente dizer-lhe: Recebo-o como meu pai.

Como se sente o pai? Gostaria de sair correndo daqui. Tente repetir mais uma vez: E aprecio o que me deu. E amorosamente deixo-o seguir o seu caminho. Hellinger ao pai: Inspire e expire profundamente. Como se sente com seu pai? Sinto-me como se devesse ser a mais forte aqui. Fiquem diante deles.

Eles se curvam com respeito e olham para os pais adotivos. Como se sentem os pais adotivos? Para mim, melhorou. Estou feliz por ter minha filha adotiva bem perto de mim.

Leslie e os representantes se sentam. Quem se atreveria a incriminar qualquer dos cinco? Vimos isso com absoluta clareza. Os representantes parecem mesmo sentir o que os representados sentiram. E, uma coisa curiosa: Trata-se de um sistema familiar e, quando mudamos uma parte tomando-a mais afetuosa, o todo muda. Supus que se sentia culpado. Por isso queria ir embora. Para ser honesto, eu havia desistido dele, pois parecia ter renunciado a seus direitos de pai. Isso aconteceu muito depressa.

Tenho outra pergunta relativa ao pai. Eu vi apenas o que estava em primeiro plano. Seus sentimentos eram os de um menino. Eles perguntam: Eu ajo de outra maneira. Reformulando a pergunta: Isso transformaria a filha em pai. Anos depois, uma segunda mulher engravidou dele; com medo de que o mesmo sucedesse a ela e ao filho, abandonou-os. Passados onze anos, num grupo de terapia, confessou que sentia profundo remorso e o desejo de conhecer o filho.

Passada uma semana, recebeu uma carta: Sou seu filho. Tenho 11 anos de idade. Gosto de skate e de futebol. E como nadar num rio que nos arrasta: Nunca o vira, mas estava ligada a ele.

O sistema familiar se rompe quando um membro diz a outro: Anos depois, a primeira esposa faleceu subitamente e a filha foi morar com o pai e a madrasta. O homem, por sua vez, sentia-se dividido filha e o amor pela esposa.

Nessa mesma noite, ela disse ao marido: Amo-o ainda mais por isso. Aqui, o sistema novo tem prioridade sobre o antigo. Os sistemas familiares reagem intensamente ao nascimento de um filho. O Urso Polar Um urso polar vivia num circo. Um dos outros ursos perguntou-lhe: Quando os membros se agarram a algo que deveriam esquecer, o passado escraviza-os e continua a imiscuir-se negativamente no presente.

Tornou-se uma mulher amarga e deprimida. Ela ficou ainda mais deprimida e amarga. Com a ajuda de um amigo, ela compreendeu que o apego ao passado estava destruindo o amor entre ela e os filhos. Foi para um retiro de idosos, fez novos amigos, criou novos interesses e, aos poucos, deixou que o passado ficasse no passado. Por algum tempo, quase se esqueceu dos filhos adultos. No outono, passam a ser amarelas, vermelhas ou douradas e, depois, caem.

Voltaram a semear os campos e a cuidar dos poucos animais sobreviventes. Um ano depois, puderam fazer a primeira colheita em paz — os animais haviam se multiplicado e as pessoas comemoravam. No fim da aldeia, havia uma casa abandonada. O bichinho adormeceu. Notaram a abertura, olharam para dentro e viram o homem dormindo tranquilamente.

Para ele, um simples vislumbre da liberdade fora o bastante. Assim como o apego ao passado, a tentativa de controlar o futuro limita a liberdade. O homem rico disse: Ele disse ao homem: Volto dentro de mil anos. Como Encontraremos a Paz? Na segunda camada jaziam os adeptos do segundo partido, liquidados alguns anos depois pelos membros do primeiro.

Temos de vingar suas perdas. Reverencio o seu sofrimento. Eis o amor supremo. O Reconhecimento dos Emaranhamentos Pergunta: Vou lhe dar um exemplo. Sob outros aspectos, sua vida parecia normal. A frase parecia deslocada no sistema. Precisamos achar o autor e o alvo verdadeiros. Aos olhos dos outros membros, era quase sempre considerado mau, tendo sido alijado do sistema familiar porque isso parecia moralmente justo e correto.

Em tais casos, os que permanecem sentem-se superiores do ponto de vista moral. Sua atitude muda imediatamente. Conservei-as todas.

Mas que devo fazer para aprender? Carla aliviada: Sim, eu sou a filha! Ainda que seus atos sejam motivados pelo amor, elas assumem uma responsabilidade inadequada. Uma pessoa que vem depois nada pode fazer pela que veio antes, depois do fato consumado.

O supervisor perguntou-lhe: Gosto de restringir as coisas. Eu, pelo menos, raramente presenciei isso. Por isso, trabalho com ambos. Certa feita, mostrou-lhe o retrato de uma mulher e pediulhe que cortasse e arrumasse o cabelo exatamente da mesma maneira.

A amante usou esse estilo de cabelo por algum tempo; o homem levou-a para o exterior, matou-a e regressou com a mulher do retrato, que passou a ser sua nova empregada e amante. O cliente repetia o que seus pais haviam feito e mostrava solidariedade para com ambos: Eis um Exemplo. Algo estava errado. O sentimento fora transferido. Ele dizia que estavam todos felizes. O afeto cria um relacionamento, e a pessoa alijada toma-se um amigo, um anjo da guarda, um amparo.

A certa altura, o passado, bom ou mau, tem de ficar no passado para que o sistema encontre a paz. Agora, todos os perigos passaram, todas as dificuldades foram superadas.

As chagas da terra cicatrizaram. Enfrentamos o perigo de muitas maneiras. Podemos observar, ouvir e sentir a realidade — conhecer o que independe de nossos medos. A jornada nos conduz a uma cidade outrora rica e famosa, mas hoje uma cidade fantasma cheia de vazios. O viajante sobe e desce as ruas, encontra a casa lembrada, mas hesita em entrar. E o tempo passa. O guia faz um sinal.

Estranho como tudo parece diferente quando observado de um ponto central, na companhia do guia! Deixe aqui tudo o que pertence ao lugar. Com profundo suspiro, o viajante se sente finalmente livre de um pesado fardo. O guia prossegue: Apanhe o que perdeu ou deixou e leve-o consigo para o futuro.

Abrem- na Sentindo-se pronto, o viajante agradece ao guia e enceta a jornada de volta. Como se chama e o que a traz aqui? Sou Irene. E casada? Tem filhos? Sim, dois meninos. Na minha, sim. Tinha 14 meses. De que morreu? Um ano mais novo. Sabe como funciona? Irene hesita. Irene acomoda os representantes no lugar indicado. Para os representantes: Para Irene, depois que ela concluiu a tarefa: Em seguida, sente-se de modo a poder ver tudo.

Hellinger para o representante de Irene: Representante de Irene: O mesmo digo eu. Hellinger para o quarto filho: Quarto Filho: Posso imaginar. Para Irene: Papai realmente sofreu muito por causa disso. Irene, cuidado! Agora, vejamos: Onde imagina que seu pai deveria ficar?

Ele imediatamente me indicou, com o olhar, onde seu pai deveria ficar. Um pouco melhor que antes. Sim, percebo isso no seu rosto. Vou mostrar-lhes. Para o representante de Irene: Agora pode sentar-se. Irene assume o seu posto. Sinto-me melhor que antes. Que tal? Fique perto dele. Bem melhor! Era lembrado. Hellinger para Irene: Que acha disso?

Muito bom. Tente distanciar-se um pouco. Como se sente depois que ela mudou de lugar? Melhor ou pior?

Sinto-me bem aqui sozinha. Sinto vontade de chorar. Como se sente vendo-a comovida: Melhor, creio eu. Para os pais: Percebem isso? Veem como se sente profundamente comovido quando consegue aproximar- se dos pais? Nem mesmo pensar consigo. E como se me encontrasse num quarto vazio. Realmente, eu estava bastante comovido.

Longa pausa. Eu mesma? Respire, abra os olhos. Com muita delicadeza. Venha comigo. Respire fundo e mantenha a boca aberta.

Querido Peter. Boca aberta. Respire fundo e deixe que a frase flua livremente: Como se sente ao ouvi-la dizer isso? Irene, fique. Basta que venha mais tarde. Ela confirma com um aceno. Obrigado pela ajuda. Agora podem sentarse. Para elas, o amor significa: Mas como se sente a pessoa amada assim? Como se sentem essas pessoas? Os mortos querem bem aos vivos. Mais que isso!

Para conter o medo, eles calam seus sentimentos. Muita gente age como se os mortos tivessem ido embora. Mas para onde iriam? Quando eu estava representando, tive sentimentos e ideias realmente estranhos para mim. Era como se eu fosse uma outra pessoa, como se me houvesse transformado de fato na pessoa representada.

Por que isso acontece? Apenas observo o fato e aproveito-o. Imaginou que estava tendo um infarto. Coisas assim acontecem o tempo todo. Todos podem perceber com que facilidade e profundidade o amor flui num sistema ordenado.

Todos nos sentimos bem, cheios de afeto. Mas o que significa esse trabalho em termos do que Irene pode esperar? Existem pesquisas sobre os efeitos, a longo prazo, desse trabalho? Eis o motivo por que, ao trabalhar como terapeuta, jamais cogito de resultados. Sua vida familiar era tranquila e alegre.

O vendedor observou-o por um momento. E, dando-lhe o que podia dar, Perguntou-lhe: Trata-se de um caso comum, por isso o menciono. Para tanto, deverei afastar-me de tudo quanto vejo e experimento, voltando-me para outro deus sobre o qual sei apenas o que outros afirmaram terlhes sido revelado. E tudo quanto poderei saber sobre esse deus.

Mas, a seu ver, ainda falta uma coisa. E ele prossegue. E um e outro, finalmente, encontraram a fonte. Depois, declinam seus nomes: Sabe que foi longe demais. Assim, espera pela aurora, retoma o caminho de casa e deixa por fim o deserto. Sou filha de sobreviventes do Holocausto e creio que isso marcou a minha vida. Atribuo a isso a total falta de relacionamentos na minha vida.

Como seus pais conseguiram sobreviver? Nasci no fim da guerra. Teve parentes mortos? Diga os nomes dos que morreram. Os nomes? Os quatro morreram? Quem mais? Meus pais se casaram quando a guerra eclodiu. Tudo muito confuso. Vou escolher os representantes. Talvez seja bom eu dizer mais uma coisa. E foi bom mesmo dizer isso.

Na verdade, sou a segunda. O primeiro filho morreu? Grace escolhe os representantes. Agora olhe para eles, para cada um deles. Hellinger para Grace: Olhe para mim Ainda estou viva. Considero a minha vida um dom especial. Eu a reverencio. Agora, curvem-se diante de todos com respeito e amor. Curvem-se diante deles profundamente. Para Grace: Agora, sinto-me segura. Pois diga. Eu o perdi. Hellinger para os representantes: Muito triste, muito comovente, mas ainda assim me sinto feliz e alegre por ela estar viva.

Fiquei feliz e pensei: Senti-me triste e comovido, mas afetuoso para com ela, querendo-lhe bem. Senti-me triste, agitado como um motor em movimento. Muito comovido, uma mescla de alegria, tristeza e orgulho. E o pai, o que sentiu? Isso significou muito para mim. Preciso de algum tempo para me recuperar. Espero que entendam. VER Pergunta: O senhor fala muitas vezes em ver uma pessoa.

Pode explicar melhor o que quer dizer com isso? Quando observo o comportamento de alguma pessoa, capto o que ela faz, mas a pessoa como um todo me escapa.

Ver a outra pessoa sujeita-me ainda ao imperativo de servir. Ele suscita perguntas do tipo: Quando uma pessoa me diz alguma coisa, pergunto-me: Meu objetivo imediato talvez nem seja ajudar, mas apenas ver o cliente no contexto de uma ordem superior.

E assim que o ato de ver funciona. E estranho como as pessoas mudam depois que lhes digo o que vejo. E essa luz teve enorme efeito em tudo o que fiz. Ainda que indiretamente, ele aponta o caminho. Medida Dupla Um observador de detalhes perguntou a um Vidente: Sua totalidade as faz Belas e reais. Toco o gongo: Sua nota uniforme reverbera Nos sinos menores. Embora nada saiba De sua origem, como-a. A Verdade brota do Vazio Para o Ser. O Vidente disse: Precisa de tempo para fermentar E clarear.

Se elas avaliam cada palavra minha, tenho de ser muito cuidadoso com o que digo. Quando vejo pessoas, vejo-as no contexto em que vivem, no quadro dos grupos maiores, nos grupos e subgrupos a que pertencem.

Bem e mal acham-se ligados sistemicamente. Isso sempre traz resultados desastrosos. Os estudantes que integravam a Rosa Branca6, por exemplo, pertenciam a um grupo extremamente 6 A Rosa Branca era um grupo de estudantes de Munique, Alemanha, que se opunham ativamente ao regime nazista.

Muitos deles foram presos e executados. Assim, cada qual preserva a igualdade e a dignidade humana. Gosto muito de uma parte de seu trabalho: Como decidir quando devo acreditar nas autoridades e submeter-me e quando duvidar e resistir?

Nenhuma pessoa provocou isso, nem mesmo Gorbachev. Mas que dizer da responsabilidade pessoal? Ainda assim, estavam enredados em alguma coisa maior que eles. E isso Beno estava fazendo sem saber. Dias depois, no entanto, volta ao mesmo tema. Uma importante descoberta antiga talvez nos oriente nisso: O terapeuta tem de respeitar a liberdade do cliente de ir embora sem se deixar mudar. Hellinger amavelmente: Deixe sua filha em paz durante esse tempo. Um deles caiu doente e o outro assistiu-o a noite inteira.

Em seguida, saiu em busca do grande curador. Uma criada abriu uma portinha lateral, aproximou-se e disse: Isso, sim, me ajudaria. Tente perguntar-se: Se descubro esse ponto, tenho uma base de apoio para a terapia. Quando o cliente encontra um modo apropriado e maduro de amar, o problema se dissolve e o amor que alimentava o problema o resolve. Hellinger longa pausa: Ajudaria se ela dissesse: Uma mulher perguntou-me certa vez: E ela: Descubra se continuam interessadas no processo.

Precisamos apenas de uma. Um camelo, ouvindo o barulho, aproximou-se, olhou para cima e perguntou: Quando avistou o macaquinho, ela perguntou: Pode explicar melhor o que acontece nesses casos? Distingo quatro tipos diferentes de sentimentos: Eu costumo dizer-lhes: Olhem para mim. A pessoa que ostenta esses sentimentos permanece forte e capaz de agir efetivamente. E algo que aprendi com a Terapia Primai. Podemos perguntar-nos: A terceira categoria engloba sentimentos tirados do sistema.

Isso acontece quando a pessoa toma como seu um sentimento alheio. As vezes, fico irritado. Muitas vezes sinto-me agredida pelas pessoas, sobretudo por meu marido.

Chamo-a de metassentimentos. Trata-se de um metassentimento que nos ajuda a distinguir o que realmente importa. Todos os membros sofreram muito. Sua pergunta parece conter a resposta.

Vou dar-lhe um exemplo do que quero dizer. Perguntei ao grupo qual fora o acontecimento mais importante. Mencionaram todos eles, exceto a morte do pai. Isso encurta grandemente o processo todo. Sei apenas que ele nos ajudou muito no campo de refugiados. Percebem o efeito dessas palavras? E fazer maluquices distorce a realidade. Algo mais? Se estou desperto, sinto-a. Sempre que as pessoas perguntam: Desejava fazer terapia para curar-se.

Quem o faz, enlouquece. Temos de ver a pessoa concreta: Sua noiva aguardou algum tempo e depois casou-se com outro. Continuo a me perguntar o que tudo isso tem que ver comigo. Isso acontece todos os dias. Que houve, afinal? A noiva pensou que ele estava morto e encontrou outro homem. E assim que deve ser. Certo, mas ainda acho que minha dificuldade em acreditar nas mulheres tem algo que ver com o fato de meu pai ter sido abandonado pela noiva.

Gostaria muito de compreender isso. Trate diretamente com a mulher. Eis o seu problema: Minorou por acaso o sofrimento do cliente? Hellinger para o interrogante: Estou falando da atitude interior do terapeuta. Isso ajuda muito no trabalho. Nem a curiosidade nem o ceticismo ajudam. Trabalhamos com as que funcionam. Em seguida, esparrama estas cinco ervas — infelizmente, esqueci-lhes os nomes — e acende a fogueira. Quando descia para o vale, pensou: Ele decerto se esqueceu de dizer-me alguma coisa muito importante.

Impressiona-me a leveza com que trabalhamos aqui. Lembra um burro carregando um fardo pesado por uma estrada comprida e poeirenta. Sente-se cansado, faminto, sedento. O que queremos segurar torna-se um peso. Algo mais, Lars? Lars emocionado: Vou e venho. Comecem sem mim. Todo santo domingo era a mesma coisa: Pedi que dissesse aos filhos e ao marido: Isso me fez bem. Se ela dissesse: O controle perfeito sempre se transforma em controle de nada.

Esta tarde, tive um sentimento maravilhoso, mas ele se foi. Os sentimentos permanecem enquanto os deixamos em paz. Quando paramos, ela para. O amor profundo traz ao mesmo tempo alegria e dor.

Estas caminham juntas, intensa e inseparavelmente. Fugimos do abismo do amor porque receamos a dor que o acompanha. Contudo, embora profunda, muitas vezes assume leveza, a Leveza do Ser. Aprecio bastante sua maneira eficiente de trabalhar. Ele se sentiu muito aliviado. Agora, perante o destino, ele pagara pelo Mercedes. Muita consiste noourompimento desses paradigmas. Ele correu da trincheira para o front, para a linha de tiro. Isso tudo foi antes de eu nascer.

Exemplo de um curso em Berlim. A guerra. O primeiro marido se vira um pouco para o seu amigo, que cambaleia. Figura 3 Hellinger escolhe seis representantes de soldados russos e os coloca em frente aos dois oficiais. O primeiro marido olha alternadamente para os soldados russos e para o seu amigo. Os soldados de ambos os lados se olham silenciosamente por bastante tempo. Ambos se medem com o olhar.

Figura 6 O pai da cliente cai e se deita de costas. Depois disso, o terceiro soldado russo volta ao seu lugar. Enquanto isso, o terceiro soldado russo cai e fica deitado de costas.

O primeiro soldado russo levanta o punho, como se quisesse impedir isto. Depois de algum tempo se separam e se ajoelham. O pai da cliente vira as costas para todos e olha para fora. PAI Agora que ouvi meu amigo falar, inicialmente gostei muito dele.

Havia tanto caos, acontecia tanta coisa! Eu quis levantar uma vez nos intervalos e gritar e correr contra os outros. Depois quis pular do palco. Eu pensei: Realmente me despedacei internamente com isso. Quando nos olhamos — olhamos e olhamos —, era uma luta sem fim e eu simplesmente desabei. Foi simplesmente custoso. Nem sei o que dizer a respeito. Terceiro soldado russo EU pensei: Senti que precisava proteger as costas dele. Senti pena dele. Muitas vezes me surgiu a frase: Foi amargo, muito amargo.

Meu olhar mudava de um lado para o outro: E ainda estava querendo me levar com ele para a morte. Olhei novamente para o outro oficial o pai da cliente e vi: Era isso que queria acrescentar.

Que mesquinho! Acliente faz quesim, abalada. Isso nos torna muito despretensiosos. Ao mesmo tempo, quando observamos esses movimentos, quanta grandeza houve em cada um deles, de ambos os lados! Quanta grandeza, que em muito ultrapassa aquilo que entendemos por uma vida feliz ou afetuosa ou boa!

Isso quer dizer: O Eu quer, a alma tem. Por isso, nos sentimos bem em meio a tais pessoas moralistas. Ao lado delas podemos afirmar, juntamente com Goethe: Nesse sentido, imoral seria aquele que contraria os bons costumes, ou seja, quem se eleva acima de outras pessoas, negando-lhes o reconhecimento de sua dignidade, de seu lugar, de suas necessidades e de seus direitos.

Diz ele: E o direito resulta desse amor manifesto e do dever cumprido.

o Essencial é Simples - Bert Hellinger

Dever sem amor pouco pode. Somente o amor o torna enriquecedor e belo. Quem se sente melhor, expia. Quando ajudo, posso sentir se estou em harmonia com minha alma se durante a ajuda puder estar absolutamente calmo e puder parar a qualquer momento.

Portanto, por um lado o ajudar necessita da harmonia e, por outro, da coragem. Pode consolar quem se tomou igual. Ainda assim, respeita a plenitude da meta. A seriedade da vida nos faz felizes. Quem recusa, logo empobrece. A essas portas pertencem, de um lado, os sentidos. O plural nele fica adensado. Mais do que isso, a mente precisa se despedir daquilo que, talvez, lhe seja mais caro: Lastimar encobre, vangloriar-se, enfraquece.

Alguns preferem ser obtusos. Uma fortaleza atrai inimigos. O medo ofusca. Quem espera por algo melhor coloca em jogo sua liberdade. Quem humilha os outros revela a si mesmo. Devo aqui me limitar ao primeiro plano. Sentem-se como suas criaturas, reconhecem seu poder e se curvam diante Dele. Atribuir-Lhe qualidades como: Podemos ser devotos com cada um de nossos sentidos. Santo quer dizer reduzido. Ser religioso quer dizer: A espera pode paralisar, sobretudo, o temor de que algo possa acontecer.

A gente acorda. Os covardes vivem mais tempo. Se ajudar, permito, de bom grado, que me contradigam. Tanto pode ser fugaz quanto permanente.

Mesmo se chegarem a se separar, ainda permanecem, depois, presentes um para o outro. Nele se condensam o passado e o porvir para formar nossa vida. Crescemos, quando nos despedimos. Os dois homens continuam a se encarar. Hellinger depois de cinco minutos, para o representante de Arturo Diga- lhe: Novamente os dois homens se fitam por bastante tempo.

O outro homem suspira profundamente. Representante de Arturo Sinto-me confuso. Representante de Arturo Melhor. Os dois homens continuam se encarando. O representante de Arturo se ajoelha e apoia nos calcanhares. Hellinger o conduz para mais perto dos dois outros. AIDS Melhor. Arturo ficou muito comovido. Ele tem um problema que lhe pesa muito. Por isso quero trabalhar com ele primeiro. James muito comovido Eu doei um rim a um amigo. Hellinger Acho que sabemos o suficiente.

James Sim, era o segundo transplante. Hellinger conduz o rim de James ao representante deste. Hellinger conduz o amigo para junto da morte. Representante de James Agora me sinto mais em paz. Quando me colocaram, meu lado esquerdo doeu. Hellinger Olhe para o rim e diga: Hellinger Como se sente o rim agora? RIM Muito melhor. O representante de James ri alto. James faz que sim. Hellinger E o seu amigo tem que enfrentar o seu destino. Quando meu amigo foi para junto da morte e meu rim retornou para mim, ficou bom.

Isso permite a ambos suportar a perda. James Sim. Com isto, exalta-se sobre seus pais e retira-lhes a dignidade. Quanto mais nos desviamos do essencial tanto mais irrequietos, desatentos e confusos nos tomamos. Como se chega ao essencial? Por isso, podemos confrontar a diversidade de duas maneiras. Para desenvolver-se, o amor precisa de ambas as maneiras, se bem que somente dentro de determinados limites.

Se algo nela fosse verdadeiro, seria apenas uma pequenina pedra em um mosaico infinito. Permaneceremos estreitos. Quando vemos e reconhecemos tal possibilidade, o que acontece com nosso amor? Assim, nos tomamos unos tanto com o ser amado quanto — juntamente com ele — com algo maior.

Agora podemos perscrutar dentro de nossa alma o que isto significa para os nossos relacionamentos. Ou quando pais dizem a seus filhos: Mas, muitas vezes, rouba a felicidade de muitos outros.

Pouco amor, pouco efeito. Vem de longe e vai longe. O amor guarda segredo. O rubor desaparece quando se ama os desejos secretos. O amor permanece. Ou, talvez, se ele ficasse, elas florariam em tudo, a louvar o convertido.

Sentimo-nos mais humanos. Estes servem para a defesa contra outro sentimento e enfraquecem. Por exemplo, conta-se uma piada. Sobretudo, incita-se a pessoa tomada de tal sentimento a abrir os olhos e olhar atentamente para algo. Vou dar um exemplo disso. Uma filha sempre sentia raiva do pai. O pai teve uma primeira esposa que fora por ele abandonada. Chamo-os de metassentimentos. Nas profundezas estamos separados. Pequena ordem, grande efeito.

Quanto mais quente o mingau, maior o melindre. Muitas vezes o conhecimento desgasta a verdade. A sabedoria age. Neste contexto, quero dizer algo sobre o lembrar e o esquecer. Muitas vezes, nos encontramos com pessoas que viveram coisas ruins e sempre voltam a pensar e lembrar-se delas. Dou uns exemplos: A vida real passou por ela a passos largos. Eu lhe disse: Sua representante parecia dura como uma pedra e totalmente inerte. Por isso, posicionei-o ao lado de um outro morto, que havia falecido junto com ele.

Ali falou, para surpresa de todos: Este seria o movimento reparador aqui. O que quer dizer paz? Quando algo, que estava em confronto, se reconcilia. Quando algo, que havia se apartado, se reencontra e se funde. Explicarei isso em dois exemplos. Inigo se adianta e senta ao lado de Hellinger. Procurando entrar em contato com a sua alma. Ficamos muito calados. Inigo concorda.

Hellinger escolhe dois grupos de cinco homens cada e os coloca, defrontando-se. E1 Primeiro espanhol E2 Segundo espanhol etc. Um movimento da alma, como vier da profundeza. Depois de algum tempo, os representantes ficam irrequietos. Hellinger escolhe doiscom representantes para os contra bascos os mortos pelos 6 ETA: O segundo basco se ajoelha junto ao primeiro basco morto, toca-o e o olha.

Depois se levanta novamente. O quinto espanhol recua um pouco. O quinto espanhol retorna para junto dos outros. O quinto espanhol senta-se decostas para o quinto basco e o quarto espanhol. Depois de algum tempo, primeiro espanhol se dadas. Depois de algum tempo, ele se levanta novamente. O quinto espanhol acaricia-lhe a face. Inigo o beija.

Vou perguntar a cada um o que experimentou, o que aconteceu aqui. Consegui entender os sentimentos. Quando vi que esses dois aqui o quinto basco e o quarto espanhol ficaram juntos, desmoronei internamente. Eu queria morrer. Minhas pernas tremeram muito. O sentimento foi: Todos os mortos eram iguais. Senti muita dor pelos mortos e tive que ajoelhar junto deles. Agora eu queria virar-me com ele e ir para outro lugar.

Mas quando os mortos jaziam aqui, acabou tudo.

O Amor que nos faz bem

Tenho um sentimento de que eu nem existo. Os do outro grupo me eram completamente indiferentes. Agora, no final, senti mais os calmo. Agora nada mais tem sentido. Fiz contato com um morto do meu grupo. Jurei, internamente, que eu faria alguma coisa. Em vez de continuar matando e me afastando deles, poderia tentar me aproximar deles.

Similar files:


Copyright © 2019 ruthenpress.info. All rights reserved.
DMCA |Contact Us